Formação da Escola do Teatro Bolshoi é 100% gratuita e financiada com patrocínios e incentivos



terça-feira, 4 de dezembro de 2018 - 10:03

Share Button

Instituição sem fins lucrativos se sustenta à base de doações, patrocínios e apoio do governo estadual

2018-11-19_materia-02-interna-01.jpgA Escola do Teatro Bolshoi no Brasil não tem faturamento. Recebe apoio do governo do Estado de Santa Catarina, que arca com cerca de 45% do custeio e dos Amigos do Bolshoi, que são os patrocinadores e apoiadores entre empresas e pessoas físicas. As únicas fontes de recursos próprios que também contribuem com os custos da Escola vêm de cursos de verão, cursos de férias em julho e treinamento para professores, além de apresentações artísticas com cobrança de ingressos ou cachê.

“Basicamente precisamos encontrar parceiros sempre porque é muito difícil manter uma instituição que concede 100% de bolsa a todos os seus alunos”, fala a diretora administrativa e financeira, Célia Campos. “Artisticamente a Escola alcança os melhores indicadores. O que a gente luta sempre é pela estabilidade financeira”, completa.

2018-11-19_materia-02-interna-02.jpgA diretora observa que muitos podem ajudar por meio do mecanismo de renúncia fiscal. “A pessoa física pode doar até 6% do seu imposto de renda e a jurídica até 4% para aplicar em projetos sociais como a Escola Bolshoi. São recursos que seriam pagos para a Receita Federal e o Governo Federal abre mão”.

O núcleo de captação de recursos da Escola trabalha com categorias de patrocinadores. A CAIXA está no segundo ano apoiando a instituição e se enquadrou na categoria Diamante. “Queremos fazer desta uma parceria duradoura. A CAIXA representa 10% do custeio total da Escola. Tem uma expressividade muito forte”, diz Célia Campos.

Para ela, a grande alegria da Escola é quando a marca se alia à do Bolshoi e se fortalece. “A CAIXA tem feito isso com maestria através de exposições e inaugurações de teatros. Estamos sempre juntos defendendo a cultura, a educação e a inclusão social”, salientou a diretora.

2018-11-19_materia-02-interna-03.jpgEstrutura
A Escola do Teatro Bolshoi no Brasil conta com uma estrutura física de cerca de 8 mil quilômetros quadrados e um quadro de funcionários composto por 80 pessoas de várias áreas. São os núcleos de pedagogia, comunicação, saúde, arte, administração e finanças, produção de espetáculos, além de um ateliê. “Todos os figurinos que vemos no palco são produzidos na Escola, que conta sempre com um figurinista russo”, pontua Célia Campos.

A Escola também oferece o primeiro emprego para bailarinos que ela mesma forma. A Companhia Jovem tem hoje 12 bailarinos contratados.

Assessoria Caixa

Share Button

Mais Notícias

(c) 2013 Agenda Paraíba - Todos os direitos reservados.